Penitenciária Industrial de Piraquara - Unidade de Progressão - PIP-UP

Trata-se de uma proposta de Parceria Público Privada-PPP, apresentada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública, por meio do Departamento Penitenciário do Paraná - DEPEN. O objeto da proposta é a construção e operação de um presídio industrial, localizado no Complexo Penitenciário de Piraquara, que possua em sua estrutura uma cozinha industrial destinada à preparação e fornecimento das refeições que são servidas aos apenados, presos provisórios e servidores que se encontram em unidades do DEPEN e Polícia Civil de Curitiba e Região Metropolitana, além de um restaurante-escola para ensino e qualificação profissional dos presos e produção de alimentos orgânicos na área agricultável da Colônia Penal Agroindustrial. Também deve ser implementado um restaurante para atendimento ao público visitante do Complexo Penitenciário de Piraquara e comunidade em geral.

O Estado do Paraná enfrenta um problema sério de déficit de vagas. A proposta da Penitenciária Industrial de Piraquara sugere que sejam abertas mais 500 vagas, e como será uma Unidade de Progressão, todos os presos ali implantados devem trabalhar e estudar.

O principal objetivo da proposta da PIP-UP é a atuação eficaz na ressocialização dos apenados, por meio da oferta de trabalho e estudo, por meio da empregabilidade em todas as etapas de preparação de refeições e qualificação profissional no restaurante-escola, através de uma PPP. Além disso, o plantio de orgânicos na área da Colônia Penal e o restaurante para atendimento ao público garantirão um maior retorno ao parceiro privado.

Em 27 de agosto de 2019, em reunião do Conselho do Programa de Parcerias do Paraná – CPAR, foi autorizada a inclusão da proposta no PAR, bem como foi definido que seria contratada a estruturação completa do projeto da Penitenciária. A Secretaria de Segurança Pública irá realizar o procedimento licitatório para a contratação.